quinta-feira, 6 de novembro de 2008

-Mãe o amor que eu sinto por você é :
Algo sem argumentos, algo sentido lá dentro bem fundo,
onde nada que não seja tão importante e valioso se esconde, se guarda,
é lá, onde ficam as melhores lembranças, os amores mais lindos,
e as amizades mais verdadeiras, é lá bem no fundo do meu órgão
mais precioso que se encontra um pedaço do seu ser,
que brilha com uma luz, que vai simultaneamente passando por minhas veias,
completando a cada espaço do meu corpo,
você o ilumina, você o completa, é algo como oxigênio, mas ainda mais essencial,
mais digno, reflexo você me transmite,
te compreendo em cada momento, te admiro em cada situação,
é simples, é estar, é permanecer, é assim,
sempre comigo para onde eu for. ~
te amo e força. muita força


Hj eu acordei com vontade de passar uma coisa diferente pra vocês,
eu acho diferente falar algo pessoal aqui, mais é oq eu vou fazer hj.

Nasci no Recife, dia 8 de julho de 1989, logo tenho 19 anos, tenho duas irmães lindas (Luciene e Luciana). somos adotados. tenho uma familia linda. que amo muito. mais tenho tambem os meus problemas, a comersar pelo fato da minha mãe ta doente, hj foi a primeira vez que a vi depois da quimoterapia, meus olhos encheiram de lagrimas quando bateram com os dela que não mudou nada, como eu queria poder estar no lugar dela para poupa-la dessa dor, apesar de alguns fios de cabelo ja caindo e de esta bem mas magra, ela esta Feliz.
eu sei, eu sinto, ela quer viver.
e nos estamos com ela, vamos ate o fim.

Um comentário:

Ed Anjos (y) disse...

amigo, texto lindo.
e pode ter certeza que tudo vai da certo, sua mãe vai melhorar (y'
e qqrcoisa, tou sempre por aqui.
teadorojá.