terça-feira, 31 de julho de 2012

A primeira vez que te vi chorar, foi por um homem, e nao foi por mim. Aquelas lagrimas caindo pelo seu rosto me deixou tao triste, e eu prometi que nunca faria vocé chorar, prometi e nao me arrependo, prometo denovo, nunca vou fazer vc derramar uma se quer lagrima. Mais esse dia infelizmente chegou, e quando vi que tinha feito você chorar, eu chorei, chorei baixinho mais a dor tava grande. O unico problema da vida,é que não tem replay nos melhores momentos. ( Eu ja perdi as contas de quantas vezes chorei por você, hoje eu chorei, chorei feito criança no corpo de um adulto. Semprenqueu puder eu vou chorar, pra que você tenha varios motivos de saber que choro por que te amo, te quero e nao acredito que ninguem vai te amar como eu te amo, como eu te desejo todo dia quando acordo, quando tomo banho, quando te vejo e quando eu vou dormir, e quando respiro. Não vivo sem você e to muitomal por esta longe de você.

Volta.

Eu queria poder contar uma historia bonita, não que a nossa seja feia. mais eu queria poder contar o sentimento correspondido, as migalhas que ficaram pra trás e só importa eu e você, mais o eu e você nem sempre é certo, nem sempre é o que espero que seja. eu quero confiar em você, mais você tem que confiar em mim também. não importa cor, sexo, estilo... e se não for possível, tudo bem. mais me avise.

segunda-feira, 16 de julho de 2012

Minha vontade é de tirar de teu peito esse coração e so te devolver quando eu ensina-lo a bater uniforme ao meu. Nada melhornque tebter, mais que seja quando vc tambem me desejar.

quinta-feira, 21 de junho de 2012

Mundinho completo.

as estações podem mudar, os dias podem permanecer intactos, o tempo pode parar, mas eu te amarei sempre.haja o que houver, eu estarei com você onde você estiver.de repente o mundo parece ser tão perfeito e parece se mover com tanta graça.tudo gira em torno de você.sabe, não existe montanha tão alta, nem rios tão extensos.tempestades podem se formar, as estrelas colidirem, mais o meu amor por você, sera sempre o mesmo, cada dia mais lindo e forte, até o ultimo dia da minha vida. por que com você, meu mundo fica mais completo, pois só você me faz sentir oque eu sinto. só você, me faz sentir especial e a pessoa mais feliz do mundo. por mais que fiquemos longe um do outro, isso nunca vai se acabar como num conto de fadas com final feliz, só que sem o final. com você, eu posso voar. com você, posso fazer tudo, posso ser tudo, e além de tudo ser feliz. com você quero dividir tudo, como divido minha vida, meu amor, minha alegria, minha presença, meus abraços, meus beijos e tudo mais oque eu tiver pra oferecer. ~

quarta-feira, 21 de março de 2012

- o Balde.

Antes de qualquer coisa, eu já vou chutar o balde e dizer que eu te quero! É, eu não tenho medo, vergonha ou pudor em afirmar que te quero. Que sinto saudades de você, dos teus carinhos. Sua mão é ausência que me angustia a alma. Longe dos teus beijos minha boca fica ressecada, ansiosa. Longe dos teus abraços, meu corpo treme, nervoso, impaciente. Quero-te, te quero e te quero. Mais, muito mais do que você imagina. Não consigo esquecer o último beijo, a última carícia, vem tomar posse de mim, eu me entrego com corpo, alma e sonhos.entrego meu desejo nas tuas mãos. Vem sentir o pulsar do meu coração. Vem tomar posse de mim. pra que? por quê? Se te QUERO, se me queres, tem que ser agora! Eu vou, eu sou, eu quero, eu desejo, eu sou, e é você que me faz desejar a vida, e a vida, hoje, neste momento, é você. Preciso dizer mais?

sexta-feira, 16 de março de 2012

- Sempre

senti que faltava algo pela manhã, talvez um livro novo para ler, ou aquele seu beijo prometido de bom dia. a gente não escolhe por quem cair, e nem sempre dá vontade de escolher... a gente só cai. e você pode até achar engraçado o jeito como eu quero estar perto sempre, mesmo de tão longe. e você pode até dizer que é fácil quando ainda não se tem um começo. eu quero começar, quero mesmo. então, espere por amanhã, espere só por amanhã! que eu faço desses dias de distância uma corda para te puxar, te trazer até aqui... sem te amarrar. não sei por que, e preciso perguntar... era mesmo tudo tão previsível assim? só sei que seria impossível deixar, só deixar como está. te quero comigo sempre.

terça-feira, 13 de março de 2012

- Dias.

Um dia quero mudar tudo no outro eu morro de rir, um dia tô cheio de vida no outro não sei onde ir, um dia escapo por pouco no outro não sei se vou me livrar, um dia esqueço de tudo no outro não posso deixar de lembrar, um dia você me maltrata no outro me faz muito bem, um dia eu digo a verdade no outro não engano ninguém, um dia parece que tudo tem tudo prá ser o que eu sempre sonhei, no outro dá tudo errado. e acabo perdendo o que já ganhei.logo de manhã, bom dia..um dia eu sou diferente no outro sou bem comportado, um dia eu durmo até tarde no outro eu acordo cansado, um dia te beijo gostoso no outro nem vem que eu quero respirar, um dia quero mudar tudo no mundo no outro eu vou devagar, um dia penso no futuro no outro eu deixo prá lá, um dia eu acho a saída no outro eu fico no ar, um dia na vida da gente ,um dia sem nada de mais, só sei que eu acordo e gosto da vida os dias não são nunca iguais!

segunda-feira, 5 de março de 2012

medo de Ser
medo de estar
medo de permanecer
medo de ficar
medo de tentar
medo de ser feliz.

sexta-feira, 2 de março de 2012

Nao sei se estou anestesiado ou sensível,
Os sentimentos chegam e partem,
Quero sentir mais algo esta me bloqueando,
Nao queria esta assim.
Nao me sinto vivo mesmo quando a dor é real.

segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

“Queria saber no que você pensa quando fecha os olhos. Queria saber se faço parte de teus pensamentos em algum momento do dia, se você se lembra de mim quando ouve alguma música bonita, ou se pelo menos se lembra do meu nome completo.”

- Libertava

“No fundo nós sabiamos que aquilo não ia dar certo, e que depois de um tempo, cada um tomaria o seu próprio rumo. Mas insistimos acima de qualquer coisa, insistimos no errado, pois só nós sabíamos como aquilo nos libertava de fardos passados e matava todo aquele excesso de carencia que as pessoas deixaram. Só nós sabiamos o quanto todas aquelas promessas nos faziam bem, era bom pensar que amanhã poderia existir algo interessante, mas infelizmente, planejamos demais o futuro e nos esquecemos de chegar lá.”

sábado, 25 de fevereiro de 2012

por você, com você.

e quanto ao que eu to sentindo ? - não tem palavras que descreva

o e-mail chegou, eu li.

cadê todo mundo?
eu to aqui, sera que ning ver isso?

nao tem 1 min que eu nao olhe no celular esperando uma mensagem, uma ligação... e nada.
onde estiver espero que pense em mim.
pense em tudo que vivemos, da nossas felicidades, dos nosso momentos.. tava olhando umas fotos e queria tanto voltar pra cada determinado momento daqueles.. ou vive-los novamente com você.

estou cansado dessa indecisão.. me responde logo. to farto, to cheio.. quero uma dose de tudo que eu mereço... e um bis.

quinta-feira, 9 de fevereiro de 2012

Acho a maior graça. Tomate previne isso,cebola previne aquilo, chocolate faz bem, chocolate faz mal, um cálice diário de vinho não tem problema, qualquer gole de álcool é nocivo, tome água em abundância, mas não exagere...

Diante desta profusão de descobertas, acho mais seguro não mudar de hábitos.

Sei direitinho o que faz bem e o que faz mal pra minha saúde.

Prazer faz muito bem.
Dormir me deixa 0 km.
Ler um bom livro faz-me sentir novo em folha.
Viajar me deixa tenso antes de embarcar, mas depois rejuvenesço uns cinco anos.
Viagens aéreas não me incham as pernas; incham-me o cérebro, volto cheio de idéias.
Brigar me provoca arritmia cardíaca.
Ver pessoas tendo acessos de estupidez me
embrulha o estômago.
Testemunhar gente jogando lata de cerveja pela janela do carro me faz perder toda a fé no ser humano.
E telejornais... os médicos deveriam proibir - como doem!
Caminhar faz bem, dançar faz bem, ficar em silêncio quando uma discussão está pegando fogo,
faz muito bem! Você exercita o autocontrole e ainda acorda no outro dia sem se sentir arrependido de nada.
Acordar de manhã arrependido do que disse ou do que fez ontem à noite é prejudicial à saúde!
E passar o resto do dia sem coragem para pedir
desculpas, pior ainda!
Não pedir perdão pelas nossas mancadas dá câncer, não há tomate ou mussarela que previna.
Ir ao cinema, conseguir um lugar central nas fileiras do fundo, não ter ninguém atrapalhando sua visão, nenhum celular tocando e o filme ser espetacular, uau!
Cinema é melhor pra saúde do que pipoca!
Conversa é melhor do que piada.
Exercício é melhor do que cirurgia.
Humor é melhor do que rancor.
Amigos são melhores do que gente influente.
Economia é melhor do que dívida.
Pergunta é melhor do que dúvida.
Sonhar é melhor do que nada!

quarta-feira, 1 de fevereiro de 2012

"…Desde criança tive a tendência para criar em meu torno um mundo fictício, de me cercar de amigos e conhecidos que nunca existiram. (Não sei, bem entendido, se realmente não existiram, ou se sou eu que não existo. Nestas coisas, como em todas, não devemos ser dogmáticos.) Desde que me conheço como sendo aquilo a que chamo eu, me lembro de precisar mentalmente, em figura, movimentos, carácter e história, várias figuras irreais que eram para mim tão visíveis e minhas como as coisas daquilo a que chamamos, porventura abusivamente, a vida-real. Esta tendência, que me vem desde que me lembro de ser um eu, tem me acompanhado sempre, mudando um pouco o tipo de música com que me encanta, mas não alterando nunca a sua maneira de encantar."
Não buscaria conforto nem juntaria dinheiro
um amor em cada porto
Ah, se eu fosse marinheiro.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

- Um pouco do TEMPO

- Faz um bom tempo que eu não posto nada aqui, então hoje resolvi ler alguns dos meus postes antigos, acabei lendo quase tudo e cheguei a uma comclusão:

1 vou voltar a postar.
mais vou explicar algumas coisas:

- hoje tenho 22 anos, continuo trabalhando no mesmo estabelecimento - kkkkkkkk - continuo apaixonado pelos romanticos - sou um assumido - no principio em 2007 eu criei esse blog pra uma garota, por quem tenho uma eterna admiração, pois é naquele ano eu gostava das garotinhas, do sexo simples e educadamente falando "limpo", o tempo foi passando e eu conheci novas pessoas namorei outras garotinhas e outros garotinhos tambem, hoje me encontro num relacionamento de 2 anos e 3 meses com um Homem não me arrependo de nada... sou apaixonado por ele, e todos que me conhecem sabe disso. tenho otimos amigos, e um companheiro excelente, não tenho doque reclamar, a minha familia esta do mesmo jeito, nao teve nenhuma perda grande, nem rompimentos de ralacionamentos - quer dizer a minha irmã do meio ja teve uns 250 namorados nesse tempo mais e do perfil dela fazer isso com os coitados dos homens que aparecem na vida dela. em fim, não vou te prender nesse post por que o proximo vai ser bem melhor. Eu to de volta nessa cozinha..........

segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

A capa

Se eu pudesse jogaria meu coração pro alto,
e só deixava ele cair de volta quando passasse toda essa dor que me aperta,
gostaria de poder receber mas acabo me dando mais.
E se por acaso me pegares te ligando nessa madrugada não se assuste é só pra ouvir sua voz, forte e determinada dizendo coisas que só fazem doer mais a dor que não é opcional.

quinta-feira, 12 de novembro de 2009

- Fragmentos

Dizem que a distância é cruel. Sim, não discordo disso, mas tenho que confessar que ela torna tudo entre nós mais forte. Você é o meu refúgio, o que sempre precisei a vida inteira. Quero que continue sendo a causa que me leva a felicidade, o motivo que me faz esquecer da realidade, a pessoa que mudou completamente a minha vida. A maioria das pessoas encara por interesse, eu encaro por amor. Tenho orgulho de saber que te ensinei tantas coisas, de que convivi ao seu lado por um tempo e de saber que aprendi eu quero continuar aprendendo tudo que um amor verdadeiro é capaz de oferecer. As maiorias das pessoas esperam encontrar um príncipe encantado. Eu não, eu encontrei meu sardento *-*, que tem suas imperfeições como todo ser vivo, mas que faz com que suas qualidades ofusquem esses defeitos com seu límpido brilho. Ainda guardo na memória todos os pequenos fragmentos das lembranças que passei com você.Eu sei que você sabe muito bem do tamanho do meu amor por você...

quarta-feira, 30 de setembro de 2009

- De volta à Atividade

Ainda ouço o barulho das ondas quebrando na beira do mar,
a calmaria de uma cidade pequena, embalada pela festa de seus santos,
as noites dormidas e as não dormidas,
em fim foi uma ferias e tanto.

terça-feira, 25 de agosto de 2009

- Sonhei

Quando a luz voltou, eu peguei no sono,
Foi assim, e senti um frio na barriga quando acordei - é sempre assim quando acordo e não te encontro do meu lado - Por alguns segundos me desesperei pensei que tivesse partido, mas logo me dou conta que foi mais um sonho, como os outros que tenho quando você não esta comigo.
Sonho os sonhos, os meus sonhos os nossos...

quinta-feira, 13 de agosto de 2009

- Acredite nas palavras que digo
essas palavras saem direto do meu coração
como faço você acreditar
que nada importa tanto, como você importa pra mim ~

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

- Inicio

Comecei a escrever nossa historia. Ás vezes eu sinto que essa historia será a mais comprida da minha vida, porque não vai ter fim. Nem sei se posso mesmo começar essa historia, ou ficarei só na vontade.
Faz tanto tempo que a comodidade tem sido meu companheiro, mais depois que te conheci passei a olhar mais pra mim, passei a me importar comigo e ser tudo isso pra você. Eu sou muito ganancioso quero algo maior, algo que realmente renda, algo que exista confiança, que seja extenso, do tamanho do que sou capaz. A tristeza me pega de vez em quando, mas sei que sou capaz. Sinto falta quando estas longe. Mais é muito bom te ter por perto.

terça-feira, 4 de agosto de 2009

- Me faz...

- as vezes eu acho que o mundo inteiro se revoltou contra mim.
sem nenhum porquê, eu viro a mesa, parece ser o fim.
mas quando me lembro que tenho você eu procuro me acalmar,
isso me consola e tudo melhora e a cabeça volta pro lugar.
Ja passamos por muitos momentos. saber que tenho você me faz... me faz continuar ~

sexta-feira, 31 de julho de 2009

- Quem mandou colocar essas crianças perto de mim?

terça-feira, 28 de julho de 2009

- Pensar pra que?

"para mim as horas são curtas e os dias pequenos.
por mais longas que sejam as horas e maiores que sejam os dias,
não são suficientes para satisfazer a vontade que sinto de estar sempre com você."


Por que lembrar que ele teve outros? pra aumentar a dor, esfumaçar o amor, atiçar meu rancor, esmiuçar o perdão, endurecer o tendão, dar insônia, jogar no lixo qualquer coisa boa que ainda restasse numa conversa de madrugada. pra que lembrar de passado? pra dividir o fardo, matar de fome. O pecado e perceber que eu também não fui santo, pra me lembrar que aqui se faz aqui se paga, talvez essa seja minha carga, meu pesar de consciência, meu penar. tá, e agora? como saber se de fato a entrega é real é diferente de tudo o que ele ja viveu, é coisa nova e não só da boca pra fora, é o que quer não por medo de ficar sozinho ou com a pessoa errada. o que o fez perceber que me quer de verdade. e vai fazer por onde que o ciúme não vai arder como vinagre na ferida aberta e que as possíveis brigas se esgotaram. pra que pensar nisso tudo se tudo aqui é passagem, se o que acontece é viagem, e pra que falar que eu ja tive outros, me apaixonei por outros, se é discurso vazio, se quando eu sinto frio é com ele que eu quero estar. na verdade eu quero uma borracha pra apagar emoções, sentimentos, acontecimentos, imagens, lugares, viagens, filmes, beijos, sexo, tudo o que remetesse a qualquer pessoa, qualquer lembrança que ele tenha ou venha a ter. o que eu queria fazer era esgotar todas as possibilidades, fazê-lo totalmente contrário, avesso, descontente a qualquer situação que não fosse ao meu lado, pra mim, por mim, comigo. o que eu queria era manter numa bolha esse ser , ou condimentar esse pedaço de carne e sentimento, manter enlatado, ao meu gosto, sem prazo de validade, ao meu dispor, só meu. pra que lembrar, pra que pensar?

sexta-feira, 24 de julho de 2009

- Com você ~

Queria poder controlar os meus sentimentos, as minhas emoções.
E poder dizer que você não faz sentido na minha vida, mais se eu disser isso eu vou esta mentindo pra mim mesmo, vou esta me enganando, por que você já é essencial no meu dia-a-dia. Eu não sei ficar muito tempo longe de você, a noite é uma tortura quando não estais na minha cama, ou em qualquer cama, tudo que eu quero é com você.

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Hoje eu tive medo.

''Tenho medo de parar e medo de avançar
Tenho medo de amarrar e medo de quebrar
Tenho medo de exigir e medo de deixar
.
Medo de olhar no fundo
Medo de dobrar a esquina
Medo de ficar no escuro
De passar em branco, de cruzar a linha
Medo de se achar sozinho
De perder a rédea, a pose e o prumo
Medo de pedir arrego,
medo de vagar sem rumo
.
Medo de fechar a cara, medo de encarar
Medo de calar a boca, medo de escutar
Medo de passar a perna, medo de cair
Medo de fazer de conta, medo de iludir
Medo de se arrepender
Medo de deixar por fazer
Medo de se amargurar pelo que não se fez
Medo de perder a vez
Medo de fugir da raia na hora H
Medo de morrer na praia depois de beber o mar''
LENINE - MIEDO

sexta-feira, 17 de julho de 2009

- Sou seu.

Não sou o Príncipe encantado da sua vida, como você sempre sonhou, nem muito menos um projeto dele, posso esquecer que você acorda com vontade de comer coxinha mesmo não comendo nada pela manhã, adora coca-cola e gosta de comidas extravagantes.
Detesto sua mania da falar ao telefone, ate mesmo quando não tem ninguém do outro lado da linha. Sou difícil de conviver, as vezes sou arrogante e bruto, mas faço com você o que não fiz com ninguém sou capaz de mudar o meu cardápio e começar a comer comidas extravagantes e me tornar o seu príncipe.

segunda-feira, 13 de julho de 2009

- Sua presença

Em momento algum teve que sorrir forçadamente com você.
Em momento algum tive que mentir para sentir o seu sorriso.
Gosto de te sentir.
Fecho os olhos e..
luz baixa música alta

seu calor
meu olhar
nossos lábios (sentir sua mão acariciando a minha nuca, arrepio, coração acelera, respiração ofegante!) A música me consome junto com o seu beijo. Combinação perfeita! vAbro os olhos...e te vejo ali ao meu lado.
Não existe sentimento melhor do que o que sinto com você.

quinta-feira, 2 de julho de 2009

- My safe harbor.

Está difícil, de encontrar hoje em dia igual a ti
considere-se a pessoa mais linda do mundo
o sorriso mais lindo,o olhar mais sincero
o meu porto seguro.

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Você tem a faca, o queijo e o meu coração nas mãos.

segunda-feira, 22 de junho de 2009

- Escolha Certa.

Posso está certo ou Errado,
Posso ter feito a minha melhor escolha mas também posso ter feito a pior dela.
Sofro com a tua falta, mas quando estou contigo sinto o melhor dos meus sentimentos, estou entregue a você e só te peso que me faças feliz.

quarta-feira, 17 de junho de 2009

- Onde você se escondeu esse tempo todo?

Sabe quando a gente encontra aquela pessoa que te tira o ar...
Te faz pensar em futuro, te faz esquecer todos os problemas, aquela pessoa que você procura ao teu lado na cama quando você acorda excitado louco por um beijo de bom dia, aquela pessoa que você faz questão de respeitar, e você faz coisas que nunca fez, tipo, pedir permissão para acender um cigarro e se ela não deixar você obedece; aquela pessoa que você pode pensar em mentir para ela mas na hora só sai a Verdade e você rir da situação porque você nunca foi de agir assim e agora já é incontrolável;
Essa pessoa chega do nada e você se pergunta, porque não a conheceu antes, quanto tempo perdemos longe um do outro;
Hoje eu tenho essa pessoa que se importa comigo, que sabe me roubar um gemido na cama de tanto prazer que me proporciona e me faz olhar pros outros e ver que é exatamente com ela que eu queria e quero está;

segunda-feira, 15 de junho de 2009

- Não me ligue.

Costumo pensar muitas besteiras,
mas eu sei que existem momentos em que não sabemos agir. Hoje recebi uma ligação que não esperava, foi coisa rápida.

- Alo.
- Oi Marcos, como tas?
- To bem e você?
- Bem também, to com saudades;
- Saudades de que?
- de você.

Eu não quero que fique me ligando, nem que tenha saudades quando eu não tenho mais. Já te dei muito valor e você não soube aproveita, agora que eu to bem vens com esse papo, sai fora, eu to em outra aliais outro muito mais gostoso.

quarta-feira, 10 de junho de 2009

- Pedido de amor.

Por favor, não me analise
Não fique procurando cada ponto fraco meu.
Se ninguém resiste a uma análise profunda,
Quanto mais eu...
Ciumento, exigente, inseguro, carente
Todo cheio de marcas que a vida deixou
Vejo em cada grito de exigência
Um pedido de carência, um pedido de amor.

segunda-feira, 8 de junho de 2009

- Certezas.

Talvez seja porque eu sou acostumado a ensinar, ou melhor, encaminhar, lançar, abrir as portas ”do paraíso” (rsrsr), como quiser chamar, eu nunca tive alguém assim como você, eu digo assim, que tenha uma bagagem como você, eu sempre fui o pioneiro nunca convivi com ninguém que já tivesse alguns relacionamentos anteriores, eu posso ate achar diferente ou ate mesmo sentir uma insegurança quando comentas do teu passado, tenho medo que você se arrependa e queira voltar atrás eu sei que não tem nem porque sentir isso, mais o amor e a dor sempre andam juntos, mais se oscilam muito. E eu to super feliz que chego a me beliscar pra saber se é verídico, se realmente me queres, se me desejas, eu te desejo. Não importa o que os outros pensam sobre nos dois não devo nada a ninguém. Eu quero continuar sentindo essa felicidade que explode aqui dentro do meu peito a ponto de me levar lá nas nuvens quando estou com você.
“...Eu gosto de escuro, do escuro com você na cama...”

Eu sei que nos aproximamos mais esses dias que passamos juntos, eu sei também que um final de semana é muito pouco mais pra mim já valeu porque eu sei que foi o primeiro, e que viram muitos outros.

quinta-feira, 4 de junho de 2009

- Outra chance?

Eu não sei o que te fez mudar de idéia ontem, você parecia tão certo tão convicto da sua vontade, e eu fazendo pose de fortão mas por dentro você estava quebrando o meu coração em pedacinhos com aquele jogo de palavras que pareciam que nunca iam chegar onde você queria, eu não sei o que te deu, mais eu sei que você me deu uma chance de mudar em algumas coisas, eu só te peço que me ajude e me diga o que te incomoda tanto. Eu te quero muito.

quarta-feira, 3 de junho de 2009

- Gosto

Eu gosto quando você sorri e de quando você fica sério.
gosto de quando ficamos à toa sem nada pra fazer conversando um monte de coisas sem noção. eu gosto quando você usa suas blusas sociais. gosto de sua pele branquinha cheia de sardas.
Gosto de ver você acordando e quando dorme o sono mais profundo. Eu gosto do seu cabelo grande ou curto. eu gosto de deixar você confuso e depois oferecer certezas. gosto de ver como você olha só pra mim. eu gosto da sua segurança e as carências que só eu conheço. gosto de quando faz piadinhas bobas e de quando faz planos para o futuro. eu gosto de ouvir tua voz no telefone e dela perto do meu ouvido. gosto do teu jeito e saber que você precisa de mim. eu gosto dos teus olhos escuros e deles mais claros no sol. gosto de você meu homem, de você meu menino. gosto de reconhecer tua força e ver também suas fraquezas. eu gosto de você quando está bêbado e de quando está sóbrio. gosto de te ouvir e do teu silêncio. eu gosto quando andamos abraçados. gosto quando tuas mãos estão com as minhas. eu gosto de todas as suas qualidades e de seus defeitos. eu gosto de você bem do jeitinho que você é.

te amo ♥

sexta-feira, 29 de maio de 2009

- Sua presença

A vida ao teu lado corre fluida.
Sua presença me enche de encanto, e isso me basta.
Futuro e passado não existem. A liberdade nos envolve de um modo tal que nem os olhares dos outros nos metem medo. Dia a dia, você me seduz, me envolve, com seu jeito inocente e descaradamente livre. Seus olhos maliciosos e seu sorriso encantador me tocam de um modo que eu me sinto compelido a acaricia o seu corpo, “meu bebe” e assim que eu quero chama-lo, ainda que temesse ofender tamanho homem com meus sentimentos.
Tudo é magia, uma magia que me torna indestrutível.

quarta-feira, 27 de maio de 2009

- Sentimento é documento.

Eu queria poder ler os teus pensamentos e descobrir tudo sobre você, mais seria um golpe baixo. eu prefiro ir te conhecendo aos poucos e assim te conquistando. Não é fácil te decifrar somos diferentes e assim vamos aos poucos nos completando.
Preciso realmente disso um pouco de “desprezo” e preocupação, parece que só falo ou faço tudo o contrario do que você deseja, tem hora que quero ficar calado, imóvel, mais essa sensação que mexe comigo não me deixa parar ou calar muito menos deixar de te desejar pelo contrario eu te desejo de verdade.

domingo, 24 de maio de 2009

- Milime... oq?

Tudo milimetricamente calculado
– tempo, prazer, espaço, tesão... –
Não preciso mais de insegurança,

nem de noites sem dias apos.
Nem sou, mas obrigado a ouvir palavras

de baixo calão na hora H.
Tudo mudou e eu não faço,

mas sexo, o meu amor faz AMOR.
E eu acompanho tudo milimetricamente.

segunda-feira, 18 de maio de 2009

- Tempo ao tempo.

Confiança, segurança, pudor...
Eu sei que ainda ta recente e que em um mês não nos conhecemos totalmente,
Mais o que conhecemos um do outro já é o bastante pra saber que um já sabe bastante da vida, vivemos demais esse deve ser o nosso mal. Os dois tem um pé atrás com relacionamentos, mais e te peço calma, vamos deixar o tempo nos mostrar como vai ser daqui pra frente.

domingo, 17 de maio de 2009

- Me rendo.

Realizando um sonho antigo,
Espero compartilhar contigo todos meus desejos Tim Tim por Tim Tim.
Nos momentos de solidão te ter pra me abraçar, me aquecer e me dizer àqueles clichês que só quem namora conhece.
Estou me entregando a esse sentimento que nasce dentro de nós.
Não quero uma brincadeira, nem brigas no meio da noite.
Eu quero que você faça comigo como nunca fez com nenhum outro.

terça-feira, 12 de maio de 2009

- Quase

"Ainda pior que a convicção do não e a incerteza do talvez é a desilusão de um quase. É o quase que me incomoda, que me entristece, que me mata trazendo tudo que poderia ter sido e não foi. Quem quase ganhou ainda joga, quem quase passou ainda estuda, quem quase morreu está vivo, quem quase amou não amou. Basta pensar nas oportunidades que escaparam pelos dedos, nas chances que se perdem por medo, nas idéias que nunca sairão do papel por essa maldita mania de viver no outono." (Autor desconhecido)
"Gaste mais horas realizando que sonhando, fazendo que planejando, vivendo que esperando porque, embora quem quase morre esteja vivo, quem quase vive já morreu." (Autor desconhecido)

quarta-feira, 6 de maio de 2009

-

Eu não fiquei chateado, ate porque eu não posso te cobrar nada, nos não temos compromisso nenhum com o outro, mais esperava mais de você, não vou mentir ate por que você me disse que viria me ver hoje. E eu esperei ao menos uma ligação. Mais tudo bem. Que seja duro e pesado porque tudo que é leve o vento leva.

segunda-feira, 4 de maio de 2009

- Etapas.


- Não pule etapas, não tenha pressa, não pule se não sabe ao certo onde irá cair,
vá com calma, passe por cada um delas, te garanto que ao passar por todas,
é muito melhor de sentir -

quinta-feira, 30 de abril de 2009

- Colecione.

"Nunca desvalorize ninguém
Guarde cada pessoa perto do seu coração
Porque um dia você pode acordar
E perceber que você perdeu um diamante
Enquanto você estava muito ocupado colecionando pedras"

eu transito pela vida, antes doida que doída.
-vai me seguir no meu caminho, ou prefere andar sozinho?

quarta-feira, 29 de abril de 2009

- Quero ter certeza.

Quero poder fechar meus olhos e imaginar alguém...
e poder ter a absoluta certeza de que esse alguém
também pensa em mim quando fecha os olhos,
que faço falta quando não estou por perto.

segunda-feira, 27 de abril de 2009

- Acredite e Pratique.

Na verdade eu não to a fim de deixar você passar assim na minha vida, assim como se no dia de amanha não existisse o nos dois, como se numa única despedida fosse a ultima.
Eu quero você ao meu lado, que mal tem em querer, eu sou humano poxa!
Eu tenho os meus desejos, as minhas vitórias, os meus fracassos.
- isso pode virar realidade basta acreditarmos no que estamos sentindo ~

quarta-feira, 22 de abril de 2009

- Eu não sinto mais nada

É engraçado, acabo aprendo tanto nessa vida.
Quando eu te tive eu aprendi a compartilhar os melhores

e os piores momentos junto a ti.
Quando eu te perdi eu aprendi muito mais.

"Te perdendo eu cresci tanto que eu não sei se quero mas te encontrar"



[b] = Frensno

sábado, 18 de abril de 2009

- Esgotos

O belo me deixa estático,
Paralisado, petrificado, mudo.
Sempre reajo ao feio,
Aquilo que é sujo, dúbio, Delúbio?
Não sinto inveja dos poetas do amor,
Daqueles que cantam a beleza da vida,
Dos que não se impressionam com as traições,
Antes, mergulham nos olhares, bocas e peles douradas.
Eu inspeciono os esgotos,
À cata daquilo que me servirá de matéria prima.

quinta-feira, 16 de abril de 2009

Melhor assim,
Parece que você não me conhecia;
Sem mais delongas:
- Sexo é bom!
com quem sabe fazer..

terça-feira, 14 de abril de 2009

- Você adora.

Vejo você me olhando como se tivesse algo a falar.
Mas nao diga prefiro que você faça.
Não prometo te dar amor, ta quente pra isso.
Sinta a brisa e o ar parece correr por aqui, eu não quero estragar tudo isso agora.
Não me olhe da cabeça aos pés, pois terá outra coisa que você vai adorar conhecer.

quarta-feira, 8 de abril de 2009

- Ate mudar, vou vivendo

Hoje não sou de ninguém, ninguém me tem, sou dos meus desejos, dos meus pensamentos, sou livre ao ponto de viajar agora sem rumo, não me prendi a ninguém, posso ir e vim quando entender, posso dizer que sou solteiro por opção,
mais isso tem seus lado ruim... me acostumei a ter alguém comigo, me acostumei a amar e ser amado, a liberdade te da o dom de voar, mais te tira o prazer de estar... Se eu encontrar alguém que possa fazer parte da minha vida de novo eu vou encarar, a vida é feita de ciclos, eu vivo as historia quando é pra serem vividas, o futuro é agora, o passado já passou... vou vivendo ate a vida mudar de rumo sentido, ou opção.

segunda-feira, 6 de abril de 2009

- Me mostro...

Um Brinde Apenas – Aos que me circulam e faz de mim uma pessoa extremamente feliz.
Eu não sei ao certo o que me leva a ter uma vida maravilhosa – Deve ser o amor que recebo – (eu como sempre fazendo apologia a esse tal de amor) – Ainda tenho 19 anos e acho que vou passar por muitos momentos e ainda vou compartilhar muitos sentimentos.
Apesar da “pouca idade” posso dizer que já experimentei de tudo nesse espaço de tempo dês do Social ao Informal – Bar, boates, motéis, Homens, Mulheres, amores, Rancores, cigarros, baseados, cerveja, wisk, descobertas, perdas e muitas conquistas que na verdade é o que vou levar na minha bagagem.
Uma família Iluminada que tem seus defeitos mais que me acolheu e esta sempre ao meu lado; amigos que partiram seja para longe ou para outro plano, Amigos dentro e fora de casa; relacionamentos que me fizeram crescer e ver onde eu tinha que mudar e mudei. Como sempre tem um clichê ai vai mais um: “Aprendemos mais a cada dia que passa” e é verdade todo dia quando coloco a cabeça no travesseiro eu agradeço a Deus pelo dia que tive e peço a ele mais um dia para que eu possa continuar a minha viagem aqui em terra, Porque apesar dos meus sonhos e desejos eu não costumo programar um futuro distante. Eu vivo o Hoje, o agora, o dia, a hora, o minuto, o segundo, o momento e faço desse único não o desperdiço faço na verdade o que da vontade – Faço o que gosto – Eu gosto da minha família, gosto do meu trabalho, gosto da minha vida, gosto dos meus amigos, eu gosto de mim e tenho quem goste também, (apesar de divulgar mais nem todos tem acesso a esse blog) Gostaria de agradecer aos que fazem de mim o que eu sou!

quinta-feira, 2 de abril de 2009

- Não quero voltas.

Pensamos no instante da perda que nunca mais seremos capazes de sorrir, mas isso não é verdade. Depois de algumas auroras e alguns entardeceres, vamos descobrindo que a vida ainda está muito presente, que ainda somos capazes de nos alegrar com outras coisas, sem que isso diminua o amor e a saudade que sentimos de quem partiu.

segunda-feira, 30 de março de 2009

Ja faz tempo..

Sabe me encontro aqui no mesmo lugar onde te encontre;
onde eu encontrei você eu não vejo mais nada,
só o escuro e o vazio se emergi por aqui,
espero que apareça alguem pra iluminar esse caminho.
Eu to bem assim, mais ainda choro escultando musica e vendo fotos.

quinta-feira, 26 de março de 2009

- Sempre eu mesmo.

Eu quero acordar de novo.
Viver tudo outra vez, pra fazer dessa ultima chance a melhor
Não quero mais servir de prazer; entrando em contradição comigo mesmo.
Eu não sei o que realmente quero pra mim hoje.

Queria ter a certeza de que apesar de minhas renúncias e loucuras,
alguém me valoriza pelo que sou, não pelo que tenho...
Que me veja como um ser humano completo, que abusa demais dos bons
sentimentos que a vida lhe proporciona, que dê valor ao que realmente importa,
E que esse alguém me peça para que eu nunca mude, para que eu nunca cresça,
para que eu seja sempre eu mesmo.

quarta-feira, 25 de março de 2009

- Nos Amar.

Não gosto de te ver assim,
sem saber o que fazer super confusa.
você precisa de alguém eu também. Vamos conversar, nos somos diferentes.
- Ta bom eu gosto de goiabada com bolacha e você prefere com queijo;
não tem problema a gente faz uma mistura.
Vamos colocar um tempero diferente, vamos nos lambuzar, nos lamber, nos satisfazer nos amar.

segunda-feira, 23 de março de 2009

- Trago de casa.

Foi simples assim.
Que me levantei da cama o quarto ainda com o cheiro forte, fruto de uma relação intensa, fazia frio eu fui logo acendendo um cigarro, na cama ainda estirado um corpo escultural, parecia que tinha sido feito pelos meus sonhos. Pela minha imaginação. E foi de trago em trago que fui lembrando cada movimento cada gemido.

sexta-feira, 20 de março de 2009

- Permaneço

-


Não digo uma palavra; não posso. Perdi a capacidade. Já não importa. Não faria diferença alguma. Não mais. Mesmo que eu suplicasse, mesmo que eu dissesse o que deveria ter dito, as palavras cairiam no chão, gotas de suor perdidas, inúteis, desnecessárias, como as de um morto que sua mais não vive. Não vive, e eu, morto não sei porque ainda permaneço vivo.

quarta-feira, 18 de março de 2009

- Faço mesmo.

Somos o que falamos, comemos, vestimos.
Eu acredito que somos almas dentro de corpos – o nosso corpo – que nem sempre é nosso. Quando bate aquela velha coceira nas pernas e você vai para as ruas emprestar seu corpo ao prazer, todos vêem, todos tocam é só chegar e se oferecer.
Eu não entendo como pode ser tão prazeroso alguém te arrancar um beijo te puxar pro canto ou mesmo num banheiro publico te arrancar suspiros, gritos, gemidos e gozos.
Não eu não to fazendo programa – nem to falando de prostituição – eu falo do prazer

eu faço por prazer.

terça-feira, 17 de março de 2009

- Existo por você.

'

você já deve saber, meu amor, que sofremos porque amamos,
que sem a dor não haveria o amor,
que sem noite não haveria amanhecer
e que eu não existo sem você.

sexta-feira, 13 de março de 2009

- Desejo incerto.

Realmente não entendo, juro que não entendo...afinal porque as coisas têm que ser assim? é como se meu coração fosse explodir, de tanta pressão que há dentro dele, de tantas dúvidas, de tanta confusão, sufoca... machuca. por que tudo não se torna claro?, porque as respostas aqui dentro não respondem as minhas angústias? e dói cada vez mais essa incerteza, cada memória em um sorriso, lembrança em um olhar, sentimentos em pensamentos. falta e apego, passado e futuro, confusos no mundo, perdidos em minha mente, se encontrando frente a frente pelas esquinas, nos labirintos entorpecentes, na calmaria de um dia de chuva, nas lágrimas como chuva na janela, no sol escondido entre as nuvens, é divertido fingir, mas hoje olhares em branco e ameaças vazias são tudo que tenho. essa busca por algo que eu não sei, realmente não sei... e se recomeçar é o jeito, vamos lá. se isso vale a pena eu não sei, só sei que dentro disso estou, e cada riso seu é comigo, então não sinto se ainda há dor, sei que de um lado existe a essência do que pode ser amor, e do outro talvez um pouco de paixão, que faça feliz um coração, e que pra vida triste de antes, agora exista uma razão se isso é amor, oh não eu preciso parar, ou apenas que o destino decida qual a solução pra tudo isso... de um lado o amor, do outro... ser amado, mas afinal, o que me faz feliz? eu não sei, eu não sei...respira coração, porque nessa montanha russa de sentimentos, a adrenalina não é boa;

é uma vontade, cheia de lacunas, e um desejo incerto.

terça-feira, 10 de março de 2009

- Libido.

A Psicologia explica que quando estamos satisfeitos com o quem temos, com quem temos ao nosso lado, a libido se direciona totalmente para essa pessoa. E então só a queremos. Se eu não sou a alvo do seu eu vou entender.
A culpa é da libido

domingo, 8 de março de 2009

- Pense em mim.

Penso em mim e não penso.
Na verdade eu gosto mesmo de viver do momento, vou ate a beira.
É por essas e outras que acabo quebrando a minha “cara de pau” – como você disse hoje –
Eu nem precisava ter visto, nem muito menos conversado com você com os meus batimentos a mais de 150p/s mais foi o que eu precisava ouvir.
Sempre o Hoje é Impossível, mais o Amanha possível, também nunca chega e eu sempre aqui te esperando, eu te aliso você me analisa.


"...Sei que você já não quer o meu amor
sei que você já não gosta de mim
Eu sei que eu não sou quem você sempre sonhou..."
los hermanos - Anna Julia

quinta-feira, 5 de março de 2009

- Oportunidades...?

Qual seja sua majestade eu não passarei de um súdito sujo e descabelado.
Queria poder conhecer o teu reino. De fora só é possível ver o muro alto.
O que será que tem por traz desse muro? Será que existe felicidade?
Às vezes quem muito tem - nada tem – quem sabe não lhe falta um coração,
O meu já esta aberto para novas oportunidades.

terça-feira, 3 de março de 2009

- Pense mais..

Talvez se você pensasse um pouco, um pouco mais.
Viria que o que aconteceu foi pouco e pouco não me satisfaz, eu queria sim poder esperar, conta às horas, os minutos, os segundo para que chegassem as sextas e sábados pra poder nos teus braços te entregar toda aquela Marra, falar com a voz áspera no teu ouvido pra você me dizer que sabia que dentro de mim eu era mais um coração derretido, parece que você tinha um olhar Raio-X porque era exatamente o que se acontecia dentro de mim, quando te via chegar ao meu encontro eu não sei o que acontecia meu coração derretia, minhas pernas ficavam tremulas e eu só queria tem mais um encontro.

segunda-feira, 2 de março de 2009

- Vivo, Morto; Morto, Vivo.. ?

quero que você veja o quanto mudei por causa do Amor, na esperança de que seu riso congelado saia do automático e eu ganhe um único sorriso verdadeiro. não foi só o muque que ficou mais duro, mas minha autopiedade também aprendeu a ser menos molenga. talvez meu amor tenha aprendido a ser menos amor só para nunca deixar de ser amor. mas ele não quer saber de almas evoluídas, meditações, planos futuros e todos os últimos segundos de uma vida dedicados. mais uma vez me pergunto como é mesmo que se pode viver ou respirar em meio a tantas pessoas e intenções mortas. mas então; morreu? ufa! doeu, mas doeu pela última vez

sábado, 28 de fevereiro de 2009

- Conheço.

O meu problema é viver de passado, mais quando foi que Leonardo Da Vinci se esqueceu da monalisa ?
Coisas boas são para ser lembrada mesmo, eu gosto de saber que um dia eu vivi momentos inesquecíveis... talvez não seja um problema só meu, exclusivamente meu, você também possui a sua parte de culpa nessa historia. Quem mandou deixar que eu te conheça tão a fundo, de saber que você esta sensível, quando passo a mão nas suas costas você ainda reclama das cócegas, quando passo a língua na tua orelha você não agüenta e vem me beijar e os seus lábios, ah os seus lábios, eu já conhecia.

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2009

- Perguntas, pra que respostas.?

quantas vezes você andando na rua e sentiu um perfume e lembrou de alguém que gosta muito?quantas vezes você olhou para uma paisagem em uma foto, e não se imaginou lá com alguém. quantas vezes você estava do lado de alguém, e sua cabeça não estava ali? alguma vez você já se arrependeu de algo que falou dois segundos depois de ter falado? você deve ter visto que aquele filme, que vocês dois viram juntos no cinema, vai passar na TV. e você gelou porque o bom daquele momento já passou. e aquela música que você não gosta de ouvir porque lembra algo ou alguém que você quer esquecer mas não consegue? não teve aquele dia em que tudo deu errado, mas que no finzinho aconteceu algo maravilhoso? e aquele dia em que tudo deu certo, exceto pelo final que estragou tudo? você já chorou por que lembrou de alguém que amava e não pôde dizer isso para essa pessoa? você já reencontrou um grande amor do passado e viu que ele mudou?para essas perguntas existem muitas respostas. mas o importante sobre elas não é a resposta em si. mas sim o sentimento. todos nós amamos, erramos ou julgamos mal. todos nós já fizemos uma coisa quando o coração mandava fazer outra. então, qual a moral disso tudo? nem tudo sai como planejamos portanto, uma coisa é certa. não continue pensando em suas fraquezas e erros, faça tudo que puder para ser feliz hoje! não deite com mágoas no coração. não durma sem ao menos fazer uma pessoa feliz! e quer uma dica? comece com você mesmo. (Martha Medeiros)

- Carnaval.

Foi assim. Subindo e descendo as ladeiras de Olinda. Correndo atrás dos trios e Sendo levado pela multidão do Galo da Madrugada, bebendo horrores, tirando onda. Muitos banhos de piscina da madrugada na chuva. Muito roubo no jogo de domino, tirei onda. Assisti a shows de artistas que eu adoro, tas como Lenine, João do morro, Pitty, Maria Rita, Marcelo D2, entre outros que fizeram diferença no meu Carnaval 2009.

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

- Proteger você...

se você soubesse ... que é em você que eu penso todas as manhãs, e o resto do dia também; que dos meus sonhos mais lindos, a coisa mais linda é ver você; que quando me perguntam qual é o meu perfume preferido eu digo o nome do perfume que você usa; que a minha música preferida é a música que você adora; e que quando me perguntam qual foi a coisa mais linda que eu já escutei, eu respondo: foi quando me dissestes que me adorava(...) simplesmente você não ligaria. e mesmo que eu não te veja; posso sentir quando pensa em mim; "é como não ver o sol ; mas ter certeza que está lá;" transformando a noite em dia; tristezas em alegrias; e aquilo que era vazio; foi embora pra não voltar mais; queria saber voar. pra lá do alto poder ver você, te ver sorrir, te ver sonhar. coisas lindas quero te dizer, e se um anjo encontrar eu vou pedir pra ele te proteger...

terça-feira, 17 de fevereiro de 2009

- Importante pra mim.

não sou o tipo de menino que vai dizer que “te ama” todos os dias, não vou mandar mensagens melosas no celular e não vou ligar a cada meia hora só pra saber como você está, sabe por quê? não é gritando plenos pulmões que demonstro o quanto você é importante pra mim e sei que você concorda. por você supero a saudade, os quilômetros, a conta telefônica e todos os pesares. pelo seu sorriso, apago o orgulho e reescrevo o amor passando por cima de todas as diferenças. é você e eu simples assim ~

segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

- Compartilhar.


- Eu queria poder contar pra você, mas as palavras vêm todas erradas. se você pelo menos soubesse, o jeito que eu me senti por tanto tempo... eu sei que nós somos de mundos diferentes, mas eu simplesmente não pareço me importar. esses sentimentos no meu coração, só contigo eu quero compartilhar. da primeira vez que eu senti algo por você, todos os meus pensamentos foram somente pra você. eu espero que quando o tempo for passando, você pensará o mesmo sobre mim. muitas noites eu acordei, eu menti... eu só desejava que você pudesse ver! eu sei de nós e espero que esse sentimento nunca acabe... se eu pudesse pelo menos te abraçar... é a única coisa que eu quero fazer de novo. o jeito que estou te olhando não importa, você continua olhando pra mim. é apenas o destino, que me trouxe aqui novamente, diante de você. isso parece bom agora? algum tempo atrás, eu notei que o seu rosto estava diferente, estava tão feliz , e cada vez que você sorri, eu me sinto tão bem. se você partir, eu vou me encaixar em seus ossos, então se lembre que você sempre estará comigo, e que ninguém te ama como eu te amo. você é diferente, única, por isso confio tanto em você e quando eu te tocar você vai sentir a diferença. agora nada mais importa, pois estamos aqui, juntos, e você sabe que eu posso te fazer feliz, que eu poderia mudar sua vida. você sabe, eu costumava sonhar com isso, então deve ter algo especial no ar. e às vezes as pessoas são predestinadas, assim, como você e eu .se você sente o que eu sinto, olhe pra mim, venha aqui e não tenha dúvidas, se vai ficar ou não. talvez este não seja o momento perfeito, mas as coisas acontecem, sem planejar e eu encontrei você. quero viver isso plenamente, só você e eu, sem arrependimentos e mágoas. veja, é tão bom é estar com você, te tocar,e sentir seus lábios mais uma vez. não sei se nossas almas vão se reencontrar, mas eu to no limite. ninguém faz planos de se apaixonar, mas o amor é mesmo assim, acontece em qualquer lugar. estar ao seu lado é tudo que eu mais quero, e a cada dia, eu tenho mais certeza de que é você quem eu quero de verdade, e é a única. você já me fez tão feliz, então me olhe, me toque, me ame e me beije, porque isso é tudo que eu peço ~

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

- Aparece logo..

- Quando o amor acontece na vida da gente, tudo fica diferente e a tristeza desaparece. agente perde a razão, perde a noção do perigo e ao outros não dá ouvido. só age com o coração. ah, como é bom amar! ter com quem falar e ouvir, e por quem chorar e sorrir, e com quem brigar e perdoar. podem falar o que for, mas não existe algo tão desejado, e que nos deixa tão encantado que o tal do amor. você já deve saber, meu amor, que sofremos porque amamos, que sem a dor não haveria o amor, que sem noite não haveria amanhecer e que eu não existo sem você. Mais onde você esta esse momento todo que ainda não te encontrei?

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2009

Olha pra mim.

Olha para o lado Porra, eu continuo aqui, esperando um sorriso querendo ouvir sua voz. olhe para o lado Agora, e certamente você verá, o brilho dos meus olhos que não cansa de te olhar. olha para os lados, não precisa dizer nada, preste atenção, no pulsar do meu coração que bate acelerado esperando o teu olhar, enxergar este jeito bobo que todos apaixonados adquirem, quando o amor é mais forte que o pensar ~

terça-feira, 10 de fevereiro de 2009

- Lugar.

eu quero achar um lugar, onde eu possa ficar contigo.
onde eu possa ter seu amor, e te dar carinho. onde eu possa falar que te amo,
deitar no teu colo e te ouvir respirar. onde eu possa esquecer dos anos, dos meses, semanas e dias que irão passar. onde eu possa te ver sorrir, te abraçar e sentir seu coração bater. onde eu possa te colocar pra dormir e te observar até o amanhecer. onde eu possa brigar com você só pra depois desbrigar. onde eu possa te perder só pra depois te achar. eu quero te levar pra outro planeta onde eu possa ficar sem nada pra fazer sem me preocupar com o tempo que eu vou perder. o tempo que eu vou amar você ~

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2009

- Minha alma.

Nesse momento há 6.470.818.671 pessoas no mundo.
algumas estão correndo assustadas, algumas estão indo para a casa. algumas estão contando mentiras para passar o dia, outras estão apenas enfrentando a verdade. algumas são homens do mal batalhando com homens do bem, e outras estão tendo dificuldades.
seis bilhões de pessoas no mundo.
seis bilhões de almas.
e, as vezes, você só precisa de uma.

sábado, 7 de fevereiro de 2009

- Acredite nele

não deixe de acreditar no amor, mas certifique-se de estar entregando seu coração para alguém que dê valor aos mesmos sentimentos que você dá, manifeste suas idéias e planos, para saber se vocês combinam, e certifique-se de que quando estão juntos aquele abraço vale mais que qualquer palavra... ~

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

- Amar é...

Amar é querer estar sempre contigo. é sofrer sua distância, é a necessidade de gritar ao mundo apenas o teu nome. é escrevê-lo em todas as árvores e em todos os muros por toda cidade, amar é sentir este fogo que me incendeia por dentro e me inflama o coração deixando-o em brasas... amar é te sentir em todas as partes mesmo estando ausente, amar é desejar teus lábios, é delirar com tuas carícias mesmo sem me tocares, é sempre sonhar contigo mesmo estando acordado, o que importa não foi o dia em quete conheci e sim o dia em que passei a te amar ~

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2009

' Eu sei, eu sinto, eu sou...

Eu sou o brilho dos teus olhos ao me olhar. sou o teu sorriso ao ganhar um beijo meu. eu sou teu corpo inteiro a se arrepiar quando em meus braços você se acolheu. eu sou o teu segredo mas oculto, teu desejo mais profundo ,o teu querer, tua fome de prazer sem disfarçar. sua fonte de alegria, sou o teu sonhar. eu sou a tua sombra, eu sou teu guia. sou o teu luar em plena luz do dia. sou tua pele, proteção, sou o teu calor. eu sou teu cheiro a perfumar o nosso amor. eu sou tua saudade reprimida, sou o teu sangrar ao ver minha partida, sou o teu peito a apelar, gritar de dor ao se ver ainda mais distante do meu amor. sou teu ego, tua alma, sou teu céu, o teu inferno a tua calma. eu sou teu tudo, sou teu nada. Minha pequena, és minha amada. eu sou o teu mundo, sou teu poder, sou tua vida, sou meu eu em você ~

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2009

- Minha Ordem.

Conseguiu me enfeitiçar, minha vida está repleta de encantos por você!
sua maneira de sorrir, de falar, de me olhar... enfim todas as suas ações me deixaram apaixonado. o que ontem eram dúvidas, hoje são certezas. bate aquela vontade de lhe ver, ter você do meu lado, me olhando com os olhos cheios de ternura, transformando o mundo simples a nossa volta, em um mundo de sonhos, em um paraíso do amor. estar longe de você é um castigo, estar em seus braços um presente. você possuiu meus sonhos. foi por sua causa que meus sonhos se tornaram reais. a cada amanhecer desejo mais a paz de sua doce presença. e declaro que : não somos donos do mundo, mas se fossemos, minha ordem seria você sempre do meu lado me encantando com seu olhar, me enfeitiçando com seu amor ~

terça-feira, 3 de fevereiro de 2009

- Desligo-me

Seria inútil dizer que não gosto dos seus abraços. quando me abraça, perco a noção do espaço, fico bobo, perco a fala. Desligo-me da vida, penso apenas nessa hora. é impressionante como me sinto protegido e esqueço de tudo lá fora. e é o que eu mais sinto falta. só te peço que não desgrude de mim jamais, quero que seja eterno esse momento e todos os outros que vierem quando estivermos juntos. e saiba que irei sempre querer mais. por isso meu sonho seria, ter você agarrada em mim 24 h por dia ~

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

- Sou você.

Quando sinto saudades de você é de mim que estou sentindo falta. pois eu sou você, você sou eu. não sei de que forma isso acontece mas acontece, desta maneira. então, me procuro em você e acho você em mim. somos duas partes de uma parte inteira, não perfeitamente simétrica, porém suficientemente parecidas para se confundirem. meus sentimentos afloram, como as flores na primavera mas na minha vida é sempre primavera. meus sentidos e sensações, são sempre a flor da pele. minhas emoções são urgentes e emergentes. quando sinto saudades de você procuro dentro de mim,para amenizá-la pois sempre encontro uma parte de você dentro de mim ~

sexta-feira, 30 de janeiro de 2009

- Sonho.

eu tive um sonho.
e eu espero de coração que uma parte
desse sonho se realize,só uma parte pq a outra nem precisa.
só que como eu acredito que se eu contar o sonho
pra alguém ele não se realiza,eu vou deixar vocês
na curiosidade ate se realizar.
e nem adianta procurar pq vocês não vão achar nada.

quinta-feira, 29 de janeiro de 2009

- Amadurecendo

Os amigos dela naum gostão de mim, eu não to nem ai.
Eu sei que faz tempo, nunca é tarde.
Falei e não falei. ao mesmo tempo.
Mandou eu deixar de ser Bundão. e deixar de frescura.
Diz que é imaturidade, realmente. eu quero amadurecer ao seu lado.

quarta-feira, 28 de janeiro de 2009

- Perco

eu queria significar tudo pra você
mas isso não é certo
você continua voltando e me desmontando
e eu continuo perdendo esta luta

terça-feira, 27 de janeiro de 2009

- Blefando.

Eu adoro ver que as pessoas não sabem o que é amor,pois bem,eu assumo que realmente muitas vezes eu não seio que ele é. mas pelo menos eu não troco de namorada como troco de cueca
e já chego falando que a amo, pelo contrario, as pessoas que eu amo de verdade essas sim vão ouvir ate dizer chega eu falando eu te amo eu te amo eu te amo mas se eu virar pra ti e falar eu te amo no primeiro dia pode ter certeza que eu estou blefando.



Tou doente. :S

segunda-feira, 26 de janeiro de 2009


Poxa; eu já tinha recebido um selo, e ignorei a idéia achando que não era pra tanto nhe. Mais olha ele ai. queria agradecer a Mariana (http://estoufreak.blogspot.com/) , que veio ate aqui, curtio o meu blog e presenteou com esse selo.

Já teve curiosidade de ver sua caricatura?
1- Exiba a imagem do selo “Olha Que Blog Maneiro” Que vc acabou de ganhar!!!
2- Poste o link do blog que te indicou.(muito importante!!!)
3- Indique 10 blogs de sua preferência.
4- Avise seus indicados.
5- Publique as regras.
6- Confira se os blogs indicados repassaram o selo e as regras.
7- Envie sua foto ou de um(a) amigo(a) para olhaquemaneiro@gmail.com juntamente com os 10 links dos blogs indicados para verificação. Caso os blogs tenham repassado o selo e as regras corretamente, dentro de alguns dias você receberá 1 caricatura em P&B.

sexta-feira, 23 de janeiro de 2009

- Feridas abertas

Tem pessoas, como eu, que precisam de um excesso de certeza, por insegurança demais, já aqueles que são seguros de si, se tornam mais fáceis de conviver com a falta de demonstrações excessivas. mas é assim, por dias que se passam, por horas de choro, por medo, por sonho, a gente aprende. posso dizer sempre que ficarei bem,mas nem sempre tem a razão que te faz sorrir e acreditar sempre que a vida melhora.os caminhos sempre estão ali, basta escolher o certo. as feridas estão abertas, bastas o tratamento pra ela. não basta apenas, acreditar. precisa-se lutar e crer na vitóra. na certeza que invade ao peito, trazendo um sorriso. não se julgue. não se subestime, apenas saiba e veja. tudo que já se passou não teve uma razão banal. algo que veio apenas, por vir. os problemas insistem, as lágrimas existem, mas falta você, decidir o que se quer.

quinta-feira, 22 de janeiro de 2009

- Se machuca é porque dói.

Sou apenas uma página branca, em seu livro chamado: vida;
me encontro cansado de nunca ser, apenas estar. chega uma hora, que sufoca tanto,
a ponto de nem entender, o porque que se existe, se machuca é porque dói tanto.
talvez um dia, venha à recompensa, o problema é pra que tanto aprendizado, se meu coração ta quebrado demais, por falta de certezas e atrocidades. queria ser mais, poder ser mais, poder ter mais, poder conquistar mais, e quem sabe um dia, crescer mais.. porque nada do que os dias passando, e mostrando quem realmente se importa com os seus sorrisos.

terça-feira, 20 de janeiro de 2009

- Seu, Eu.

Eu já fiz de tudo para ter você pra mim.
Eu não agüento mais ter que te esperar, ter que esperar a sua boa vontade de querer marcar pra conversarmos; colocar toda a nossa vida a limpo.
Pois meu coração não agüenta mais de tanta frustração e solidão.
Já chega eu não vou mais te ligar; não vou te procurar nos lugares onde você costuma ir;
Não vou te mandar mais nenhuma cesta de café da manhã acompanhada de um botão de rosa bem vermelha, do jeito que você gosta.
Não estou desistindo, estou dando um tempo pra que você se toque que eu sou quem você precisa. E se você demorar e eu não mais retornar teu toques é porque a fila teve que andar e que existe outra pessoa no seu lugar.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2009

- Te quero, ainda.

Nossas conversas são sempre interrompidas, e sempre deixamos para outra hora.
será que teremos ao menos uma chance para conversar de novo?
será que você teria um tempinho pra mim agora na sua nova fase da vida?
eu estou aqui sentado na esquina, esperando você passar.

sábado, 17 de janeiro de 2009

- O Tal.

Eu sou um tanto Temperamental, Emocional e tal.
Acredito e espero muito das pessoas; mais quando cai a noite é sozinho que fico.
Tenho medo da solidão, tenho fome de carne, de calor humano.
Gosto de que dar satisfações, gosto de receber ordens, de ser domado mesmo.
gosto de sentir os teus ciúmes bestas.
Está sozinho me aflige; quem não gosta de ser desejado?

eu te desejo e quero que me desejes também.
O que você quer mais de mim?
eu já te dei tudo e você não vê que eu só quero os
teus braços.

sexta-feira, 16 de janeiro de 2009

- Volta.

o amor é uma flecha que acerta uma vez só, quando é verdadeiro não, não há nada melhor. explosão do sentimento que viaja na canção. existe, faz morada dentro do meu coração. sentimento inexplicável que resisti sempre faz, romper toda barreira, te amar cada vez mais. é você, não dá pra esquecer. é você, ao mundo vou gritar, é você, meu sonho é você. bateu saudade, lembrei do tempo em que a gente se amou era verdade, eu nunca percebi. eu tô sofrendo o mesmo que você ou muito mais. eu não sei te esquecer volta logo pra mim, me arrependi de tudo. ainda gosto de você, eu não escondo de ninguém. ainda gosto de você, o teu amor me faz tão bem. eu não encontro uma saída de você me libertar e a solução pra minha vida é a gente se acertar... pra que negar, tentar mudar a nossa história se o que rolou ficou guardado na memória. não vale a pena se enganar não faz sentido. cadê você? eu sei que o teu desejo ainda me chama. num sonho tão bonito de amar pra que fugir do amor não faz sentido cadê você? vem voltar à nossa vida que ficou mal resolvida. pelo nosso amor já deu pra saber que não dá mais pra viver distante.

quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

- Como eu sou para você?

talvez eu seja uma pessoa igual a todas... ou talvez muito diferente de qualquer pessoa que você ja conheceu. talvez um dia eu faça parte da sua vida como uma coisa importante. talvez eu coloque um sorriso de muita felicidade em teu rosto... ou te faça sofrer demais a ponto de chorar. talvez eu te divirta... te incomode... ou talvez eu simplismente não faça diferença alguma. talvez eu seja quem você espera... ou muito diferente do que você imagina!

terça-feira, 13 de janeiro de 2009

- Vise-e-versa

À noite me lembra quando eu era menor e via meu pai chegando em casa do trabalho, cansado, dava um beijo na minha mãe, sentava-se à mesa, fazia uma oração e todos jantávamos juntos. Hoje já é o contrario, eu chego em casa, cansado do meu trabalho.
meu pai ta no sofá cochilando. como qualquer besteira tomo um banho e vou dormi. analisando as duas situações ontem antes de dormi. eu vi que mesmo independente, com meu trabalho e com meu dinheiro, eu ainda sou o filho e aquele velho que passa o dia todo sem fazer nada em casa é o meu Pai que eu tanto amo.

segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

- Pra te ter.

ao perceber que vc esta tão perto
mas tão longe meu coração dispara
sonhando e contando as horas ,os minutos,
e os segundos para te ter aqui comigo.

sábado, 10 de janeiro de 2009

- Maysa

"Ninguém sabe é que isso acontece porque
Vou passar minha vida esquecendo você
E a razão porque vivo esses dias banais"
-Demais-
- "Tenho medo de amar e não ser amado..." by maysa

terça-feira, 6 de janeiro de 2009

- Respirar

faz um bom tempo que a vontade de escrever e de poetizar se resume a você. eu sinto, vejo e percebo as coisss simples e lindas que a vida tem, mas nada me inspira mais do que pensar em você e te sentir dentro de mim. e cada música que escuto, cada palavra de amor me fazem lembrar do seu nome. ecoam minh'alma adentro, tomam conta de mim. te amar me faz assim: mais feliz, mais bonito, mais vivo. te carrego no meu olhar, amor. preciso respirar você todos os dias.

segunda-feira, 5 de janeiro de 2009

- Olinda

'
Ontem, Domingo 4 de janeiro de 2009...
Bem o primeiro domingo do ano, e aquelas ladeiras de Olinda já estão cheias.
o ponto de encontro continua nos 4 cantos, todos prontos pra subir e descer as ladeiras.
Do alto da sé temos uma visão privilegiada do nosso Recife é tudo tão bonito, todas as ruas, casas, prédios, arranha-céus iluminados. quem vê de lá não acredita que uma cidade tão bela possa ser tão violenta, não como o Rio de Janeiro, mais poderia ser menos.
Na volta é lei comer uma tapioca, e descer aquela monstruosa - ladeira da misericórdia - umas misturas muito grandes de pessoas e culturas, que torna o ambiente bem atípico, mas bonito.
vejo gente subindo se arrastando, rindo, cantando, brincando, alguns descem a ladeira apostando corrida que é um perigo mais é divertido. uma experiência que todos deveriam experimentar.
os nervos a mil, o coração dispara e você chega na rua treze (13) louco pra dar aquele beijo. ver amigos, viajar nos entorpecentes, sair daquele mundo tão lindo que fica na memória.

sábado, 3 de janeiro de 2009

- Seu cheiro.

o seu cheiro ainda estava na minha roupa, e foi assim que me demorei a entrar no banho, perdido em você. se bobiar gosto até da sua antipatia com as palavras, da sua seriedade em forma de armadura, do sol que nos acordou e do ônibus que nos separou. acho graça no seu jeito de respirar, e sorrio de olhos fechados, porque é inconfundível você. (...) é desafio pra mim, travesseiro da ousadia. mas não aposto em mais nada, nem prometo outra história. que venha de certo, e o que vier, veio. só que o seu cheiro... esse eu quero sempre comigo!

segunda-feira, 29 de dezembro de 2008

- Apenas lá.

trancar o dedo numa porta dói. bater com o queixo no chão dói. torcer o tornozelo dói. um tapa, um soco, um pontapé, dói. bater a cabeça na quina da mesa, dói. morder a língua, dói. cárie e pedra no rim também doem. mas o que mais dói é saudade...

espero que para mim e para você, o amor ainda vida. Viva naquele pedaçinho do coração sabe? que ali ninguém substitui, pisa, toca ou quebra. é lá que estaremos eternamente juntos. apenas lá.

sábado, 27 de dezembro de 2008

- Sabor das ondas

A gente se afastou um pouco, só para ver melhor como eram bonitos nossos corpos nus de homens estendidos um ao lado do outro, iluminados pela fosforescência das ondas do mar. plâncton, ele disse, é um bicho que brilha quando faz amor. e brilhamos.

sexta-feira, 26 de dezembro de 2008

- Acho; sei lah.

é isso, sei lá, mas acho que amo você. amo de todas as maneiras possíveis. sem pressa, como se só saber que você existe já me bastasse. sem peito, como se só existisse você no mundo e eu pudesse morrer sem o seu ar. sem idade, porque a mesma vontade que eu tenho de te comer no banheiro eu tenho de passear de mãos dadas com você. e por fim te amo até sem amor, como se isso tudo fosse tão grande, tão grande, tão absurdo, que quase não é. eu te amo de um jeito tão impossível que é como se eu nem te amasse. e aí eu desencano desse amor, de tanto que eu encano. mas eu te amo também do jeito mais óbvio de todos: eu te amo burro. estúpido. cego. e eu acredito na gente. eu acredito que ainda vou voltar a pisar naqueles cocôs da sua rua, naquelas pocinhas da sua rua, naquelas florzinhas amarelas da sua rua, naquele cheiro de família bacana e limpinha da sua rua. como eu queria dobrar aquela esquininha com você, de mãos dadas da sua mão..

terça-feira, 23 de dezembro de 2008

- Abismo

o sorriso que não sai do rosto desconcentra.
as palavras não conseguem sair da minha cabeça,
não consigo transmiti-las pro papel. eu deveria me preocupar com a distração, mas meu coração pula de alegria quando eu viajo nas lembranças de um final de tarde com o céu estampado de nuvens que parecem algodão, junto com a chuva fina. eu gostaria de parar o tempo e repetir as doses de olhares tranqüilos e apaixonados, repetir as palavras, ouvir de novo e abraçá-lo como se fosse o último dia, só por hoje. eu preferia ser romântico e escrever cartas de amor, mas a racionalidade faz com que eu te mostre o caminho verdadeiro, pois o da fantasia é fantástico demais para a realidade da distância. mas o adeus não é pra sempre. ele é a força que faz com que eu queira insistir nas minhas loucuras de sair daqui e pular em braços que até então eram desconhecidos e que ao mesmo tempo são os braços mais confortáveis que já me abraçaram. perdi o medo e a vontade de querer saber o que será de mim daqui pra frente. a realidade exige que eu a encare de fato. por isso vou manter esse sentimento guardado dentro de mim; por isso vou segurá-lo pela mão e saltar no primeiro abismo em busca dos meus sonhos.

sábado, 20 de dezembro de 2008

- Desejo diferente.

Eu ja dividi minha vida com muias pessoas.
So que nenhuma delas era minha, mesmo eu as desejando.
Hoje eu paro e desejo toda felicidade para aquelas que souberam
me abraçar quando oque eu mais precisava era de um abraço.
e agradeço por ter feito parte da minha historia.
-
Pra mim;
eu desejo menos amor, desejo diferente.
Desejo não encontrar minha alma gemea, faço promesas cumpriveis.
desejo não parar de fumar - porque meus amigos vão parar. -
desejo mais dinheiro e menos saude.
Desejo me conhecer a fundo de me apaixonar por mim,
e ai sim amar outra pessoa.

quinta-feira, 18 de dezembro de 2008

- Imaginario.

o amor transcende, vai além de paredes, de longitude ou de latitude. desconhece fronteiras, se estabelece sem pedir licenças e não possui fita métrica. é capaz de romper barreiras, de alçar-se em vôos além do imaginário e de andar em terra firme por caminhos a fio. quem ama faz o impossível virar possível.

quarta-feira, 17 de dezembro de 2008

- Amor ausente

acordar pensando em seu sorriso, mesmo num dia frio e nublado, é como ver todas as belezas do mundo, no reflexo de um pequeno lago. penso em você a todo o momento e é especial quando para dormir me deito e sua face vem ao meu pensamento,me encanto cada vez mais com seu jeito. amor do outro mundo, que tomou conta do meu ser, do meu coração, das minhas vontades. amor dentro de mim mesmo, e que me conduziu até você. amor que me busca nos sonhos e na realidade, que me toma, me completa, me torna teu, só teu. amor, que pra mim se revelou no teu rosto, nos teus beijos, no teu corpo, na tua essência. amor ausente ainda, mas nunca tão presente em tudo que faço, em tudo que toco, em tudo que sinto. amor presente sim, dentro de mim, que me leva até você, e te traz até a mim, e nos torna o amor em si ~

terça-feira, 16 de dezembro de 2008

- Emoção

Sentir aquele frio na barriga é muito bom. não gosto de nada morno. se não tiver paixão, se não tiver emoção, se não me arrancar do chão, não serve. tem coisa melhor do que aquele telefonema no meio da tarde? aquela ligação que te deixa com um sorriso apaixonado grudado na cara o resto do dia. tem coisa melhor do que estar com alguém que te faz rir o tempo todo? aquela pessoa que tem “aquela coisa que você não sabe explicar” que faz você não querer sair de perto dela nunca mais. sabe o que eu não consigo entender? gente morna. relacionamento de longa data em que as pessoas “se acostumam” umas com as outras. como pode isso? como pode alguém estar cansado sexta-feira à noite e querer dormir? como pode alguém empurrar a própria vida com a barriga? não vou atirar a primeira pedra. já cometi essa insanidade. mas hoje, e cada dia, sou uma nova pessoa. penso. logo, mudo de idéia. de gosto. de roupa. de estilo. de vida. você já esteve com alguém pensando em outra pessoa? eu já. você já esteve com uma pessoa enquanto amava outra? eu já. ruim, né? fazer o quê? mas sabe o que é bom mesmo? estar com a pessoa certa. com aquela pessoa que você olha pra ela e pensa: “é exatamente com você que eu queria estar agora, nesse instante”. e você não trocaria aquele momento por nenhum outro. por nenhuma outra sensação do mundo. por ninguém mais no mundo. nem outro lugar. nada. não sei muita coisa do que quero pra minha vida. e nem tenho essa pretensão. mas sei disto: quero tudo intenso. tudo agora. tudo pra já. minha vida já está acontecendo e eu não tenho mais tempo a perder com sorrisos amarelos. com abraços frouxos. com bocas aleatórias. com noites sem dias seguintes. com pessoas que não se dão. quero viver tudo intensamente. até a última gota. correr o risco. me atirar. e sentir o coração bater forte. sair pela boca. me engolir. ter aquela sensação de não estar cabendo no próprio corpo (você já sentiu isso?). quero ser arrebatado. não conseguir dormir à noite. acordar com olheiras e estar lindo mesmo assim. quero rir de mim mesmo. rir sozinho no meio da rua. sair descabelado. quero andar cantando. e fazer poesia em dia de chuva. quero um dia. uma hora. um minuto. desde que seja de verdade.

segunda-feira, 15 de dezembro de 2008

- Final feliz. :S

tenho uma parte que acredita em finais felizes. em beijo antes dos créditos, enquanto outra acha que só se ama errado. tenho uma metade que mente, trai, engana. outra que só conhece a verdade. uma parte que precisa de calor, carinho, pés com pés. outra que sobrevive sozinho. metade auto-suficiente...

sexta-feira, 12 de dezembro de 2008

- Penso que sim.

Eu erro pro pensar de mais.
O Pensamento deveria ser uma coisa mais controlada
- Pelo menos o meu -
volta e meia me pego pensando em ti.
Penso em coisas ilusitadas,
penso em noites quentes e selvagens,
- se bem que nunca tivemos noites assim -
Penso em casamentos a beira do mar, e uma lua cheia nos iluminando.
- E um sonho -
Claro, tudo na sua hora, eu ja me conformei que te perdi.
Mas nao posso esconder de voce oque sinto.
Tenho vontede de ter voce, de ficar com voce, quero te infiltrar, te sentir, te cheirar...
Sera que voce anda pensa em mim?

quinta-feira, 11 de dezembro de 2008

- Picasso

Se você conheceu um Homem corajoso que admitiu todos os medos, todas as neuroses, todas as inseguranças, toda a parte feia e real que todo mundo quer esconder com bermudas quadriculadas, camisas muito coloridas, muito dinheiro, bundas falsas, bebidas, poses, frases de efeito e risadas altas. ninguém nunca me viu tão nu e transparente como você, ninguém nunca soube do meu medo de nadar no mar de madrugada, de amar demais, de se perder um pouco de tanto amar, de não ser bom o suficiente. só ele viu meu corpo de verdade, minha alma de verdade, meu prazer de verdade, meu choro baixinho embaixo da coberta com medo de não ser bonito e inteligente. só para ele eu me desmontei inteirao porque confiei que ele me amaria mesmo eu sendo desfigurado, intenso e verdadeiro, como um quadro do Picasso. e será ele até o fim.

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

- Te ordenar.

e eu tenho vontade de segurar seu rosto e ordenar que você seja esperto e jamais me perca e seja feliz. e entenda que temos tudo o que duas pessoas precisam para ser feliz. a gente dá muitas risadas juntos. a gente admira o outro desde o dedinho do pé até onde cada um chegou sozinho. a gente tem certeza de que nenhum perfume do mundo é melhor do que a nuca do outro no final do dia. a gente se reconheceu de longa data quando se viu pela primeira vez na vida. e você me olha com essa carinha banal de "me espera só mais um pouquinho". querendo me congelar enquanto você confere pela centésima vez se não tem mesmo nenhum Homem melhor do que eu. e sempre volta. volta porque pode até ter uma coxa mais dura. mas não tem nenhum melhor do que eu. não tem. porque, quando você está com medo da vida, é na minha mania de rir de tudo que você encontra forças. eu sei de tudo. e eu passei o último ano escrevendo sobre como você era especial e como eu te amava e isso e aquilo. mas chega disso. caiu finalmente a minha ficha do quanto você é, tão e somente, mais um cara . e do quanto você jamais vai encontrar um homem que nem eu nesses lugares deprê em que procura. e do quanto a sua felicidade sem mim deve ser pouca pra você viver reafirmando o quanto é feliz sem mim e principalmente viver reafirmando isso pra mim. sabe o quê? eu vou para a cama todo dia com um livro, uma xícara de café, um cigarro qualquer e uma saudade imensa de você. ao invés de estar por aí caçando qualquer mala na rua pra te esquecer ou para me esquecer. porque eu me banco sozinho e eu me banco com um coração. e não me sinto fraco ou bobo ou perdendo meu tempo por causa disso.

segunda-feira, 8 de dezembro de 2008

- Te admirar..

Eu não acredito que eu vou cair denovo nos seus encantos.
você nunca esta presente,
eu te ligo e você não me atende. poxa eu não vou te morder.
eu so queria te colocar num lugar onde eu pudesse admirar seus traços, laços e rastros...
só admirar, e não querer mais nada, alem doque so te admirar.

mais eu to aqui. porque eu sei que você pode esta afim.
eu tambem to. e queria te ter so mais uma noite e uma eternidade.

- Frágil demais

Deveria ser proibido, mãos que não alcançam um pedaço de argila e um punhado de água pra amolecer a dureza que têm as ausências, as carências, o concreto de alguns corações.

eu andei pensando sobre o barro, sobre o amor, sobre vestidos que viram saias e saias que viram blusas. eu andei pensando que, às vezes, a gente gostaria de enfiar a pessoa que a gente ama dentro daquela gaveta arrumada pra só saber dela quando abrisse o guarda-roupa no auge da vontade de se enfeitar de sentimento. andei pensando nesse coração de argila que se molda de artérias entupidas pelo amor.

(ainda é preciso esperar que seque rápido e torcer para que não tenha sido feito frágil demais.)

sábado, 6 de dezembro de 2008

- Eu fui..

Eu precisava ter feito isso, cheguei a pensar duas, trez vezes antes de bater no teu portão.
Bati e bati; não tive resposta, e como antigamente meti a mão pelo vasculhante e abri.
ja no terraço chamando seu nome em voz alta alguem me viu, e me disse que você não estava,
logo não sei se fiquei triste ou se me senti aliviado - claro eu queria te ver - e numa breve conversa no portão sobre trabalhos; doenças; e preocupações; foi o tempo exato pra você chegar e nem acreditei, meu coração foi a mil. eu nem sabia como te cumprimentar.
foi uma visita breve que por mim eu passaria a noite inteira ali em pé no teu portão so te olhando, não precisaria dizer nenhuma palavra so a tua companhia ja me basta.

não adianta, não sei explicar. as palavras traem o que a gente sente. não que seja amor de menos (...) é amor demais.

sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

- Venha pra mim.

Dizem que a distância é cruel. sim, não discordo disso, mas tenho que confessar que ela torna tudo entre nós mais forte. você é o meu refúgio, o que sempre precisei a vida inteira. quero que continue sendo a causa que me leva a felicidade, o motivo que me faz esquecer da realidade, a pessoa que mudou completamente a minha vida. a maioria das pessoas encara por interesse, eu encaro por amor. tenho orgulho de saber que te ensinei tantas coisas, de que convivi ao seu lado por um tempo e de saber que aprendi eu quero continuar aprendendo tudo que um amor verdadeiro é capaz de oferecer. a maioria das pessoas, esperam encontrar um principe encantado. eu não, eu encontrei meu sapo *-*, que tem suas imperfeições como todo ser vivo, mas que faz com que suas qualidades ofusquem esses defeitos com seu límpido brilho.ainda guardo na memória todos os pequenos fragmentos das lembranças que passei com você.eu sei que você sabe muito bem do tamanho do meu amor por você...

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

- Minha Sede.

- Que coisas são essas que me dizes sem dizer, escondidas atrás do que realmente quer dizer? tenho me confundido na tentativa de te decifrar, todos os dias. mas confuso, perdido, sozinho, minha única certeza é que de cada vez aumenta ainda mais minha necessidade de ti. torna-se desesperada, urgente. eu já não sei o que faço. não sinto nenhuma alegria além de ti. como pude cair assim nesse fundo poço? quando foi que me desequilibrei?
não quero me afogar: quero beber tua água.

não te negues, minha sede é clara.

quarta-feira, 3 de dezembro de 2008

- Suspiro

- Suspiro Tanto quando penso em você, chorar só choro às vezes, e é tão freqüente. caminho mais devagar, certo que na próxima esquina, quem sabe – suspiro - não tenho tido muito tempo ultimamente mas penso tanto em você – suspiro - que na hora de dormir vez enquando até sorrio e fico passando a ponta do meu dedo no lóbulo da minha orelha e repito – suspiro - em voz baixa:
- Te amo tanto, dorme com os anjos.

terça-feira, 2 de dezembro de 2008

- Te quero, Te quero..

­- Queria saber se te amo ou te odeio. quero te mandar para longe, mas te quero por perto. quero te arrancar do meu peito, mas te quero de qualquer jeito. vou fugir daqui, para um lugar onde não haja nenhuma maneira de encontrar você. onde as pessoas não conheçam a história de nós dois. vou escutar uma música que não me faça lembrar de você. vou ver um filme de amor que não termine como o nosso terminou. vou andar por onde você nunca passou, para que não exista nenhum vestígio seu. onde meus olhos possam percorrer toda volta sem o risco de te ver. vou ficar por lá, até que a sua imagem se apague da minha memória. até que eu não sinta mais teu cheiro no meu corpo. então com o coração já refeito, eu voltarei. e se um dia te encontrar, por certo encontrarei, não vou te reconhecer. mas você vai me olhar, não vai acreditar no que vê. seu coração vai disparar e nada vai conseguir dizer. eu vou sorrir e te comprimentar, sem muita demora eu vou seguir. você estagnado, vai permanecer ali parado. você vai entender que me amava,
que sempre fui eu a pessoa que você procurava..

segunda-feira, 1 de dezembro de 2008

- Essa saudade;

Guardei tanto tempo essa saudade que o coração intranquilo precisa te telefonar para dizer do tempo: que dias tão azuis, meu deus... em dias tão nublados. a falta de assunto na ponta da língua. meus nervos de água. e o meu coração intranquilo falou de outro tempo quando só queria saber: como era mesmo que você me olhava quando a gente ainda se via?

e dizer que teu nome não sai da minha língua.
(...)
vontade de deitar sobre o teu peito e perder a memória

sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Chega de Indiretas.

Queria muito e você aí longe, então fico parado aqui do outro lado tentando organizar os sentimentos em palavras e as palavras em frases e me preparar para dizer, mas é tudo tão frágil que não sei como pronunciar. parece notícia triste, fim de alguma coisa. e não é, ainda temos tantas coisas a fazer também. fico em silêncio desconfortável, numa angústia de querer e não saber como. você não compreende muito bem, talvez não devesse falar, entende? talvez seja melhor como está. palavras engolidas e vontade repremida – vou inchando aos poucos por pensar demais. talvez não devesse pensar tanto assim, ser mais livre e leve como você, dizer com raiva, mas dizer. não se desculpar. tenho medo de me precipitar, de me magoar. mas nós vamos consertar todas as coisas não ditas entre beijos e olhares acolhedores. até o corpo amolecer e todas as preocupações sumirem e sem sentir, como num impulso de felicidade, dizer: eu amo você. assim, tão resumidamente.

- Fragmento

- Corrompido; entrego sem veemência meu corpo cáustico,
minha falsa liberdade de Homem independente, minhas idéias e visões sobre seu fogo bruto e límpido: sou seu. já não mantenho minha segurança em estar sozinho, servir somente a mim e basta, minhas poucas e profundas vontades – precipito todas as noites, no céu, no chão, espero que me aches. que me retire desse estado, dessa lentidão, e não sei se ouve. nem se espera. não sei de nada. toda minha compreensão se mostra insuficiente para te envolver, te entender, te suprir – e, igualmente, me envolver, me entender e me suprir, já não me basto. seu delito foi ter me provado. aflito. sou dividido, teu e meu, do mundo inteiro que me chama e me deseja, mundo novo e atroz que me tenta. preciso recorrer a quem? ou o quê. preciso de distinção e sutileza, de um novo toque. mas é o seu toque que me inflama, somente o seu que eu volto e busco, que me perco longe sem me achar inteiro, me fragmento. e me acolhe. sem demora ou hesitação, decido que sou seu objeto e seu amparo. marginalmente entregue a força de ser homem, o presente diviso da consciência – indecisão e firmeza -,
para que corro e me atenho: você.

quinta-feira, 27 de novembro de 2008

- Meu tipo.

-Preciso abraçar todos aqueles que um dia souberam ser amados por mim. despedir-me ou aceitar minha condição. despedir não consigo, it's not my type, sempre estou a correr sem explicações e me habituando a novos ares. não tenho pátria, assim torna-se quase impossível alguém tirar-me algo. amor? já picotei em mil pedaços, joguei aos altos e catei-o com a língua para depois engolir e vomitar deveras. desejo hoje paciência, calor, cérebro e tempo - ponto - aceitar. dor para intensificar essa vida. a dor precisa de um corpo, limites de pele, línguas, estômago, suor. consegue imaginar um não-corpo a implorar salivas, suor e pele? eu não, por isso estou a procura de alguem que um dia amei, talvez porque eles conseguiram guardar nada mais que o breve sabor do meu corpo, um sabor salgado e quase indigesto. minhas experiências sempre tornaram-se memoriais. uma noite e só, não consigo lembrar de prazo mais extenso - e agora ? é tão difícil se divertir hoje em dia, uma lágrima nunca me pareceu tão dolorosa. dias sem lágrimas, são dias em que o coração está endurecido, "não são dias em que o coração está feliz". é como você me disse, fui afastando-me do meu amor e agora não tenho algum. morri muito pra não morrer, permaneço triste, talvez por isso, ainda existo. sei que você estava ao meu lado, querido, todo o tempo que esperávamos estava ali prestes a acontecer e por puro descuido, pura fraqueza e fracasso não deixei o fluxo correr. mas escuta, o pulso ainda pulsa, fora o sofrimento, nada lamento. no final das contas tivemos a melhor parte e se perguntasse o que eu faria se voltássemos ao princípio, responderia que recomeçaria.
esse coração tem a necessidade de viver,
porque se jogar tantas vezes - e morrer sempre - cansa.

quarta-feira, 26 de novembro de 2008

- Trivialidades e Afins.

Sofro porque poetizo demais as situações reais da vida. pois ver um cachorro magro na rua me comove horrores, e ser sentimental (contrário do que as pessoas pensam) é uma batalha diária. quando não amava ninguém, eu era o que era, mas eu era só. sozinho. sem muitas coincidências felizes. eu comigo. desesperado, enclausurando minhas emoções na egolândia. brigava e chamava de filho da puta, vai pro inferno, pra casa do caralho, eu quero é ficar só, não te desejo. por isso pulava sempre de galho em galho. amantes, steps medíocres e semi-fodas de uma noite só. eu me cansava de tentar encontrar coisas nas pessoas. até em meus melhores amigos, quando mesmo antes da noite acabar, já estava fatigado da conversa de sempre. das bebedeiras de sempre. das músicas de sempre. pois ninguém queria conversar sobre os meus discos preferidos. ou sobre as bandas novas que eu estava ouvindo. ou sobre remédios de tarja preta que a faxineira do meu trabalho tomava para emagrecer. banalidades, trivialidades e afins.

terça-feira, 25 de novembro de 2008

- Mais uma vez.

-Você pode olhar pra mim e dizer qualquer coisa,
ou eu posso olhar e dizer qualquer coisa,
mas o melhor mesmo é amar sem dizer coisa alguma, e eu amo você. e você me ama?
te ver, muda meu dia, meu ano, meu mundo, minha vida, vai ser pra sempre, já é pra sempre.
naquele adeus ficou uma parte grande de mim, uma parte que é só sua e que logo logo irei pegar, tendo esse como um simples pretexto para te ver e ser feliz ao teu lado, como eu quero ser, e estar assim como eu quero estar,

Mais uma vez.~

segunda-feira, 24 de novembro de 2008

- Inveitei você.

-Quem inventou você fui eu,
porém eu tenho que desinventar, pro bem.
preciso me livrar de tudo o que é você.
um espaço pra criar um outro alguém. na pressa de suprir você, errei.
só me esbarrei em desamor, tentei. preciso me soltar de tudo onde há você.
se vai passar alguém, eu já nem sei. e então esse tempo fez deslembrar, vai ser um bom momento pra me filtrar.
voltei pra te ver, mas sem te inventar.
pra saber se vou chorar. voltei pra te ver,
mas sem te inventar ressaber se vai passar.~

sábado, 22 de novembro de 2008

- Não, eu não quero Incomodar.

-Então, eu sempre tiro as pilhas do relógio pra que ele possa chegar.
o tic-tac incomoda e eu não quero incomodar.
os ponteiros dormem enquanto nos distraímos um com o outro.
o telefone não toca mas também nem precisa tocar.
o mundo não respira mas também nem precisa respirar.
o tempo passa mas, poxa, nem precisava passar. então, eu sempre tiro as chaves da porta pra que ele possa ficar. a solidão me incomoda e eu não quero incomodar.
os porteiros dormem enquanto nos lembramos um do outro. o rádio não toca mas também nem precisa mais tocar. a cidade não pára mas também nem precisa mais parar. a campainha não chama mas, poxa, bem poderia chamar.
então, eu sempre tiro as roupas do caminho pra que ele possa voltar.
a saudade me incomoda e, não, eu não quero incomodar.